jump to navigation

Dilma Rouseff faz visita de negócios em Uberaba

Dilma Rouseff faz visita de negócios em Uberaba
Presidente assinou documento para construção de gasoduto e fábrica de amônia

Natália Bellório

Dilma Rouseff visitou Uberaba nesta quinta-feira (17) para negócios. A presidente assinou um protocolo de intenções entre a Petrobrás, a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) e o governo de Minas, para a construção de uma fábrica de amônia e a implantação de um gasoduto. Dilma chegou no aeroporto da cidade mineira no jato presidencial, acompanhada de ministros e convidados, como o deputado federal Gilmar Machado. O governador de Minas, Antônio Anastasia, também esteve presente no evento, realizado no Centro de Eventos da Associação Brasileira de Criadores de Zebu (ABCZ).

A obra do gasoduto é uma antiga reivindicação do Triângulo Mineiro, ocorrerá em dois anos e ligará as cidades de São Carlos (SP) e Uberaba. Além disso, permitirá a interligação com o gasoduto Brasil-Bolívia, que atende o Mato Grosso do Sul e São Paulo ao estado de Minas Gerais. Com valor estimado em R$750 milhões, o projeto terá 256 quilômetros de extensão e capacidade para transportar sete milhões de metros cúbicos por dia. Ou seja, cerca de sete milhões de litros de gás.

Já a fábrica de amônia, com previsão de funcionamento para 2014, terá capacidade de produção de 1,5 mil toneladas por dia. O investimento está avaliado em um bilhão de dólares e o projeto integra o Programa de Aceleração do Crescimento 2 (PAC 2). A Cemig e a Petrobrás ainda terão que obter licenças ambientais e incentivos federais.

Além de debater sobre os dois projetos no evento em Uberaba, Dilma comentou sobre a vinda do presidente americano Barack Obama ao Brasil no sábado (19), e afirmou que investir em educação é uma das prioridades de seu governo.

Mas para a jornalista Eliane Mota, a visita da presidenta na cidade mineira vai além das obrigações governamentais. “A presença da presidente também abre espaço para o partido dos trabalhadores começar a discutir seus nomes para sucessão municipal em 2012. O PT em Minas, comandado por Fernando Pimentel, quer chegar ao comando do governo do estado em 2014 e precisa se fortalecer em cidades estratégicas como Uberaba e Uberlândia. Quem pretende postular um cargo de chefe do executivo municipal em cidade importante precisa mostrar que tem bom tramite com o governo federal. E aí você pode esperar muito político papagaio de pirata atrás de Dilma”, defende.

Imagem: G1

17/03/2011

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: